Aldeia do concelho de Castanheira de Pêra, distrito de Leiria

23
Fev 10

 

    

 

 

 

 

 

ESCOLA PRIMÁRIA DE SARZEDAS DE S. PEDRO

ALUNOS DE 1944

 

 

 

 

1-Arnaldo

2-Lucília Alves

3- Alvarina*

4-Ricardina

5-Alice

6-Edite

7-Domitilia

8-Piedae Almeida

9-Etelvina

10-Man. Coutinho

11-Manuel

12-Vasco

13-Constantino

14-Rui*

15-Maria Alina*

16-Maria Rosa

17-Piedade

18-Élia Morgado

19-Abílio Morgado

20-Carlos Tomaz*

 

21-Manuel Tomaz*

22-Aldina

23-Humberto*

24-João Vaz

25-Leopoldina*

26-Conceição*

27-Noémia*

28-Lucília*

29-Rosalina*

30-Aurora Tomaz*

 

31-Mariquitas

32-Aldina

33- ??

34-Zé Neves

35-António Vaz

36-Aquiles Morgado

37-Almerindo

38-José Vaz

39-Joaquim

40-António Neves

41-Edmundo*

42- Leonel *

43-Prof. Antónia

 

 

 

 

*-Alunos

de Sarzedas

do Vasco

 

 

Esta fotografia foi-nos enviada pelo sarzedense, Manuel Tomaz. É uma relíquia que analisámos com gosto e entusiasmo. É interessante reconhecer alguns dos presentes nesta foto. Todos lamentamos o desaparecimento de outros.
Diz o Sr. Manuel no mail que acompanha:
«Para relembrar tempos passados das Sarzedas do Vasco, junto envio uma fotografia dos meus tempos de escola (1ª classe), que a professora Antónia mandou fazer ao "Presunto" da Lagoa. É de louvar a iniciativa da professora, ter juntado todos os alunos para a foto, tendo em conta como era a vida em 1944.
A classificação com os nomes, bem como a ampliação da foto, foi feita por mim recentemente, pelo que poderá haver algum erro nos nomes. Mas aguardamos que alguém faça a rectificação. Se achar que fica bem no seu blog, aqui fica a minha autorização, aliás é com esse objectivo que lhe estou enviando. Alguns destes colegas já faleceram, apenas relembro o meu irmão Carlos.»

  Esclarecimento sobretudo para os mais novos:

 “Presunto”, era alcunha de um senhor que julgamos que era  natural da vizinha aldeia do Mosteiro e casou  na Alagoa onde vivia com a esposa chamada Celeste,  também conhecido por “Retratista” e de seu nome José Jacinto.

Um casal interessante,  castiço e simpático que tivemos oportunidade de conhecer de perto. Estavam em todas as festas de Verão. O Sr. Jacinto com a sua máquina fotográfica antiga, de caixote (ou fole?) ia tirando e vendendo fotos a quem lhe pedia. A Senhora Celeste, conhecida por “Florista” vendia flores de papel que ela mesma confeccionava.
 

 

 

 

publicado por Sir do Vasco às 11:15

2 comentários:
Parabéns amigo Armando pela sua descrição sobre esta foto, enviada por meu irmão Manuel. Por oportuno, coloquei-a também em meu BLOG (http://salvadornet.blogspot.com/ ), destacando a presença de meus três irmãos, Carlos, Aurora e Manuel, e fazendo o meu comentário, o qual teria muita satisfação que o amigo desse uma olhada.
Meu abraço,
SALVADOR
Salvador da Silva Tomaz a 26 de Fevereiro de 2010 às 03:12

Amigo Salvador:
Obrigado pelo seu interesse.
Consultei o seu blog e parece muito bem organizado e interessante.
Parabéns, também!
O seu irmão Manuel pareceu-me ter gosto em partilhar connosco esta "relíquia" Foi também com gosto e interesse que a publiquei.
Como já referi, parece-me importante que estas coisas não se percam, sendo para tal necessário registá-las e se possivel por mais que uma pessoa.
Um abraço
Armando Eiras
Sir do Vasco a 27 de Fevereiro de 2010 às 00:37

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
24
25
26
27

28


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO